... no hero in her sky ...



*
preciso ir embora. d vez !
preciso dormir duas noites inteiras.
preciso parar d ver o invisível e imaginar o imaginário.
preciso sair d tudo isso.
não preciso d vc passando pela minha vida. e deixando seus maços d cigarro vazios.
não preciso das suas reticências.
'gostei desse seu perfume novo... da próxima vez eu subo com o meu pra jogar no seu travesseiro'
q próxima vez ?!? não vai ter próxima vez. pq é verão.
pq cansei d t ver partir. cansei d t ouvir dizer q ama sua liberdade.
quem sou eu pra t prender...
é um direito seu. jogue da forma q quiser.
vou cuidar da minha liberdade.
e preciso me libertar do poder q o teu olhar tem em mim.
do poder q tuas mãos têm no meu corpo.
me libertar dessa submissão ao ouvir tua voz.
me libertar dessa liberdade q me deixa livre pra fazer o q eu quiser e ainda assim eu só querer t ter.

pela minha sanidade mental.
eu preciso ir embora.


te vejo errando e isso não é pecado. exceto quando faz outra pessoa sangrar.
te vejo sonhando e isso dá medo. perdido num mundo que não dá pra entrar.

você está saindo da minha vida. e parece que vai demorar...
se não souber voltar. ao menos mande notícias.
cê acha que eu sou louca... mas tudo vai se encaixar.

tô aproveitando cada segundo. antes que isso aqui vire uma tragédia.

e não adianta nem me procurar em outros timbres. outros risos.
eu estava aqui o tempo todo. só você não viu...

você tá sempre indo e vindo. tudo bem... dessa vez eu já vesti minha armadura.
e mesmo que nada funcione eu estarei de pé. de queixo erguido.
depois você me vê vermelha e acha graça. mas eu não ficaria bem na sua estante...

tô aproveitando cada segundo antes que isso aqui vire uma tragédia.

e não adianta nem me procurar em outros timbres. outros risos.
eu estava aqui o tempo todo. só você não viu

só por hoje não quero mais te ver...
só por hoje não vou tomar a minha dose de você...
cansei de chorar feridas que não se fecham. não se curam.

e essa abstinência uma hora vai passar...

2 comentários:

Clementine disse...

o pior é para quando se quer continuar!

belo post.
nosso espelho sempre muito reflexivo.
sempre nosso.

acho que estamos ao ponto de esquecer de respirar.
iamgine?
até o involutário ser dominado por esse monte de sentimento...

hunf!

beijo minha disposta

Clementine disse...

o ontem é sempre mais incrível mesmo.
mas hoje, hoje estou otimista, sem razão alguma deve ser pq vou beber e fumar a noite inteira, noites assim eu me encontro.
daí, amanhã querida!
amanhã vai ser bacana!
cê vai ver.

procure outra lata pra virar.
ou visite petshops